Para uma página acessível prima Alt + 1 seguido de Enter.
Calendário ambiental

Calendário de agosto de 2012:

Secções "Boas leituras", "On line" e "Acções de cada um para o bem comum" de edições anteriores:

Boas leituras

Sobre a Terra > “Dividido em 15 capítulos temáticos - que vão da biodiversidade à poluição do ar, ou do tratamento de resíduos à questão dos transgénicos -, este livro faz um balanço actualizado da situação ambiental do planeta, focando em particular a realidade portuguesa e europeia. (...)”. O autor é Ricardo Garcia e foi editado pelo Público em 2004 (livro disponível no centro documental do CMIA).

Guias de Campo > Os guias de campo são companheiros indispensáveis para caminhadas pela Natureza ou mesmo em incursões ao nosso próprio jardim, congregando informação sobre as espécies de uma forma clara e sucinta. Sugere-se a colecção do FAPAS - Fundo para a Protecção dos Animais Selvagens (Árvores e Arbustos, Aves, Mamíferos, Répteis e Anfíbios, Fauna e Flora do Litoral). Alguns destes guias, entre outros, estão disponíveis para consulta nos fundos documentais do CIA - Centro de Interpretação Ambiental e do CMIA.

Colecção “Descobrir...” > Colecção desenvolvida por técnicos da Estação Litoral da Aguda, sobre os temas Poças de Maré, Praia, Ribeiras e Estuário. Considera-se que os livros, dirigidos ao público juvenil, estão muito bem estruturados, escritos e ilustrados. Para os pequenos curiosos... e os grandes também! O livro “Descobrir as Ribeiras” está disponível para consulta nos fundos documentais do CIA - Centro de Interpretação Ambiental e do CMIA.

Guias práticos de acção ecológica > ’Como não produzir lixo’ e ‘Poupar mais, poluir menos’ são dois pequenos “livros de curiosidades e conselhos práticos que o convidam a agir”, o primeiro dedicado aos resíduos sólidos urbanos e o segundo à poupança de água e energia. O autor é Filipe Costa Pinto e foram editados por Edições Nova Gaia em 2003 e 2004 respectivamente. Estas publicações estão disponíveis para consulta no fundo documental do CMIA.

Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal > “Neles [Livros Vermelhos] se indica o estatuto de ameaça das espécies selvagens, de acordo com critérios quantitativos para avaliar níveis de risco de extinção e, ainda, informação sobre as populações, causas de ameaça e medidas de conservação”. Esta 2.ª edição foi editada pelo ICN e a Assírio & Alvim em 2006 e constitui um elemento de consulta essencial para quem gosta de Natureza.

Ciência para Jovens > Esta colecção juvenil, da autoria de Janice VanCleave e publicada pela Dom Quixote, apresenta em cada número 101 experiências de fácil realização, permitindo que os jovens despertem para a ciência de uma forma divertida. A colecção abrange diversas temáticas como física, ciências da terra, astronomia, matemática, biologia, geografia, geometria, corpo humano, ecologia, dinossauros e oceanos. Vários números estão disponíveis para consulta na Vila Beatriz.

Um dia de consumo sustentável > ”Este guia pretende despertar a consciência do impacto ambiental que provocamos todos os dias. Apresenta alguns gestos muito simples que podem transformar o consumo diário numa grande ajuda para melhorar o mundo que nos rodeia.” Esta publicação, de distribuição gratuita, foi desenvolvida pela Lipor e a Deco, tem um grafismo muito apelativo, a informação é sucinta e clara e oferece-nos alguns extras originais. Disponível no CMIA para consulta.

30 coisas simples que você pode fazer com energia para salvar a Terra > Um livro já antigo mas ainda muito útil, com conselhos fáceis de seguir no dia-a-dia que contribuem para a poupança de energia, diminuindo assim o impacto que temos no nosso planeta. Esta publicação, da responsabilidade do EarthWorks Group, está disponível na Vila Beatriz. Um outro livro da colecção - “50 coisas simples que você pode fazer para salvar a Terra”, também muito interessante,  pode ser consultado no CIA.

Ibéria Selvagem > Um livro dedicado a projectos de investigação com vista ao conhecimento e conservação de espécies animais da Península Ibérica, escrito e com fotografias de quem acompanhou no terreno o trabalho de diversos investigadores. Foi editado em 2003 pela Má Criação e inclui uma interessante abordagem à (nossa) Salamandra-lusitânica, com o contributo de elementos do CIBIO, parceiro da Autarquia. Uma publicação cativante de ler, que pode ser consultada no CIA.

Publicações sobre as Serras > A Autarquia tem editado algumas publicações sobre o património geológico e biológico das Serras de Santa Justa e Pias - Parque Paleozóico de Valongo e Rede Natura 2000, as quais podem ser um bom ponto de partida para a descoberta desta área. Disponíveis para consulta e venda/oferta no CIA, CMIA, Posto de Turismo e Museu Municipal.


On line

www.naturlink.pt > Portal com notícias, artigos e informação diversa sobre Natureza e Ambiente em geral. Tem também secções de curiosidades, jogos didácticos, ideias para actividades, bolsa de emprego, entre muito mais. Um site de referência!

www.cidadessustentaveis.info > Projecto que congrega três portais temáticos (Zero Resíduos, Fórum Urbanismo e Agenda 21 Local) dedicados às cidades e à sua sustentabilidade, pretendendo ser ferramentas aglutinadoras de informação classificada e constituir-se como espaços de debate e partilha de experiências.

www.lipor.pt > Decerto sabe que a LIPOR é responsável pela gestão dos resíduos do Grande Porto, mas já visitou a sua página de internet? Tem muita informação útil sobre os projectos desta entidade e inclusive jogos para os mais pequenos.

http://bookshop.europa.eu > A União Europeia tem uma vertente editorial muito grande, publicando estudos, relatórios, brochuras e livros infanto-juvenis de grande interesse e sobre variadas temáticas ambientais e outras. Além disso disponibiliza na internet um serviço de aquisição e/ou distribuição extremamente prático. Diversos títulos são enviados de modo totalmente gratuito e a generalidade está também acessível em formato pdf. (Página em várias línguas, incluindo português)

ecosfera.publico.pt > Página com diversa informação interessante, destacando-se a selecção de notícias relacionadas com ambiente e os dossiers temáticos.

www.iucn.org > A missão da União Mundial para a Conservação é contribuir para a preservação da integridade e diversidade da Natureza em todo o mundo e assegurar que o uso dos recursos naturais é efectuado de modo ecologicamente sustentado. Conta com inúmeros colaboradores e abrange diversas áreas de actuação. Descubra mais sobre este importante organismo visitando a página de internet (em inglês).

www.correnterioleca.com > Mantenha-se informado sobre o “Corrente Leça”, um projecto iniciado pela Autarquia mas que conta com o apoio activo de diversas outras entidades e que tem o objectivo de despoluir aquele recurso hídrico no troço que atravessa o Concelho. Consulte e participe nas actividades!

www.topten.pt > O TopTen é uma ferramenta de pesquisa on-line criada com o objectivo de orientar o consumidor aquando da escolha, por ex., de electrodomésticos, lâmpadas e automóveis, de modo a optar pela solução ambientalmente mais favorável. Analisam a eficiência energética, o ciclo de vida dos produtos, os impactes na saúde, ambiente e o nível de qualidade dos mesmos. Pretende ser também uma ferramenta de pressão junto dos fabricantes, para incentivar a melhoria contínua dos equipamentos fabricados. Uma iniciativa promovida pela Quercus e EDP.

www.ambienteonline.pt > Este portal “assume-se como o centro de serviços de informação, comunicação e divulgação do mercado do ambiente, especializado em dar resposta às necessidades dos profissionais do sector”. De destacar a secção das notícias, sempre actualizada, mas também a agenda e o directório de empresas.

www.energiasrenovaveis.com > Um site extremamente interessante, que congrega informação clara e muito completa sobre cada tipo de energia renovável e também notícias actualizadas, base de imagens e de vídeos, agenda, uma aplicação dedicada aos mais novos e ainda outras valências muito úteis para profissionais da área, professores e curiosos em geral.

www.cienciaviva.pt > A Agência nacional para a cultura científica e tecnológica congrega no seu site uma série de informação extremamente útil, nomeadamente para professores. São descritos os programas de apoio disponíveis, os centros existentes no País, há sugestão de experiências, uma agenda e muito mais. A visitar regularmente.


Acções de cada um para o bem comum

> Sabia que uma lâmpada economizadora de energia consome cerca de 80% menos do que uma lâmpada incandescente normal com a mesma luminosidade? Procure utilizar lâmpadas economizadoras pelo menos na cozinha, áreas de serviço e noutras zonas onde as lâmpadas ficam ligadas mais de quatro horas por dia. É bom para o Ambiente e para a sua carteira! (Fonte: DECO)

> Sabia que quando um produto chega ao mercado cerca de 10 a 20% do preço refere-se ao custo da embalagem? Ao comprar produtos de grande consumo opte pelas embalagens familiares. Ficam mais baratas que a soma das embalagens menores e causam menor produção de resíduos. (Fonte: publicação ‘Como não fazer lixo’)

> Sabia que se deixar a torneira aberta enquanto escova os dentes gasta em média 19 litros de água? Feche sempre a torneira, estará a contribuir para a poupança de um bem precioso. (Fonte: Museu da Água)

> Sabia que há 30 anos havia em todo o mundo 50 milhões de automóveis e hoje existem mais de 400 milhões? Sempre que possível ande a pé ou de bicicleta, faz bem à sua saúde e à do nosso planeta. (Fonte: www.naturlink.pt)

> Sabia que se regar o seu jardim duas vezes por semana de Junho a Setembro, durante meia hora, o seu gasto é de mais de 8 mil litros de água (sabendo que em meia hora uma mangueira consome cerca de 250 litros de água)? Evite regar no período de maior calor, pois a água é evaporada com maior facilidade e portanto desperdiçada, e no Verão deixe a relva mais alta do que o habitual, de forma a preservar a humidade do solo. (Fonte:DECO)

> Sabia que os frigoríficos são os electrodomésticos que mais consomem electricidade, representando cerca de 32% do consumo total em casa? Abra o frigorífico o mínimo de vezes possível e evite mantê-lo aberto. Quando se ausentar para férias tente esvaziar o frigorífico, deixando-o desligado. (Fonte: DECO)

> Sabia que as latas de alumínio demoram 500 anos a desaparecer na Natureza? Separe-as e coloque-as no contentor amarelo do ecoponto porque quando separadas podem ser recicladas um número ilimitado de vezes. (Fonte: publicação “Como não fazer lixo”)

> Sabia que para determinadas espécies de peixes, crustáceos e moluscos estão estabelecidos por lei tamanhos mínimos de captura? Por ex. para a sardinha são 11cm. Informe-se no Departamento de Inspecção das Pescas (www.igp.pt, listagem completa em pdf) e não adquira animais menores que o indicado.

> Pense na energia que gasta para descongelar alimentos no forno ou microondas. Planeie as suas refeições com tempo e retire os alimentos do congelador com antecedência de modo a que estejam prontos a utilizar no momento de os cozinhar.

> Conte a quantidade de beatas que consegue avistar na areia sentado na sua toalha de praia... Se fuma, leve consigo para a praia um recipiente para as beatas, colocando-as depois num caixote do lixo. Já agora, não quer tentar deixar esse vício? Poupa na saúde, nos resíduos, no ar e na carteira!

> De certeza que não cabe mais uma peça de roupa na máquina de lavar? Evite colocar as máquinas de lavar roupa ou loiça a funcionar sem estar com a carga completa. Estes electrodomésticos de uso frequente gastam uma quantidade significativa de água e electricidade, por isso qualquer redução no número de lavagens é importante, inclusive para diminuir a despesa familiar!

> Vai para o emprego de carro? Já tentou saber se no seu trajecto não passa perto da casa de algum colega de trabalho? Informe-se e partilhe a viatura. Fica-lhe mais barato, poupa energia, polui menos o ar e ainda ganha companhia!

> Sabia que a estimativa para o consumo médio em stand-by por cada lar português é de 377 kWh/ano, o que corresponde a uma despesa de cerca de 37,25€? Faça um pequeno esforço, levante-se e desligue a televisão e outros equipamentos no próprio aparelho e não no comando. (Fonte: www.ecocasa.org)

> Sabia que um estudo de 2000 apurou que a utilização de energia para a produção de água quente representava no nosso País o maior consumo energético no sector doméstico, atingindo mesmo mais de 1/3 do consumo nas habitações? Informe-se sobre as soluções que utilizam energias alternativas, consulte por ex. o site www.aguaquentesolar.com (fonte: www.ecocasa.org).

Pesquisa do site

 

Ligação ao Website da 

Câmara Municipal de Valongo (nova janela)Ligação do Parque Paleozóico Ligação ao Website do 

Roteiro de Minas (nova janela) 100 mil rvores Stios AMP Informacao transporte para Valongo Testemunhos dos muncipes Ligação a uma 

versão do site mais acessível



Nº de Visitas Diferentes:

 

Câmara Municipal de Valongo - Todos os Direitos Reservados - 2008

 

Gestão de Conteúdos: Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental

Autoria e Imagem: Eng. João Moutinho

Powered by Exponent

 

cmia@cm-valongo.pt